Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

Notícias

Cacique de Ramos vira Patrimônio Imaterial do Rio de Janeiro

Publicado em 16 de abril de 2010

ODIA NA FOLIA

Cacique

Rio – O Cacique de Ramos comemora seu cinquentenário somente no ano que vem, no dia 20 de janeiro, mas a festa já começou este ano. O tradicional bloco carnavalesco da Leopoldina foi tombado como Patrimônio Imaterial da Cidade do Rio de Janeiro. Ubirajara Felix do Nascimento, Bira – fundador, cantor e compositor do grupo Fundo de Quintal e único presidente na história do Cacique de Ramos – lutava desde o final da década de 70 para que o bloco fosse tombado como patrimônio cultural.

“Eu só tenho que agradecer a Deus e aos Orixás”, disse Bira, na sua primeira entrevista após o tombamento do Cacique.

Além de se tornar um dos patrimônios imateriais da cidade, o Cacique prorrogou a cessão do uso do terreno de sua sede, que pertence à Prefeitura, por mais 50 anos, e o local está sendo reformado para que passe a funcionar como Centro Cultural.

“Atualmente estamos fechados para as obras, mas fazendo rodas de samba em lugares variados. Não vamos parar. É uma ótima oportunidade de levar o Cacique para outros locais. Essa é uma das formas de conseguir recursos para a comemoração do cinquentenário do Cacique, no ano que vem. Pretendo conseguir o apoio para esta festa e para o próximo carnaval, que é importante por ser um ano de comemorações”.

Segundo Bira, nessa nova fase, a agremiação vai se dedicar a revelar talentos do samba.

“Com esse projeto que transforma, formalmente, o Cacique de Ramos em Centro Cultural, vamos conquistar espaço em vários setores culturais, mas a nossa principal intenção é trabalhar cada vez mais com as crianças a fim de desenvolver a vocação do Cacique que é descobrir e formar talentos, como o Fundo de Quintal, Zeca Pagodinho, Jorge Aragão, Luiz Carlos da Vila, Arlindo Cruz e outros. Atualmente, isso já vem sendo feito. Temos, como exemplo, o Gabrielzinho, que faz parte da nova geração e é aluno no Cacique há 2 anos. Ele tem um talento impressionante, é um fenômeno, e muitos como ele vão poder ser descobertos agora”, contou, emocionado.

A sede do Cacique de Ramos fica na Rua Uranos, 1326, em Olaria – Rio de Janeiro.




VOLTAR

Nenhum comentário

Você pode ser o primeiro a comentar!


Faça um comentário

Campos com (*) são obrigatórios

Seus dados
Comentário

Copyright © 2010 - quintaldosamba.com - todos os direitos reservados