Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

Notícias

Chiquinho da Mangueira diz que dívida da escola pode chegar a R$ 15 milhões

Publicado em 30 de março de 2013

Por Raphael Azevedo

Rio –  Marcada para acontecer no dia 28 de abril, a eleição da Mangueira promete ser a mais disputada da história. Três candidatos vão lutar para substituir Ivo Meirelles. Apoiado pelos ex-presidentes Elmo José dos Santos e Álvaro Luis Caetano, o deputado estadual Chiquinho da Mangueira lançou oficialmente a chapa “Muda Mangueira de novo” esta semana, num clube no Rocha, na Zona Norte. No encontro, que contou com as presenças ilustres de Alcione, Rosemary, Nelson Sargento, Hélio Turco e outros nomes importantes da verde e rosa, o deputado apresentou algumas de suas propostas.
A enorme dívida e o mau estado da quadra, dois dos principais problemas, também foram lembrados na reunião. Em entrevista ao Dia ao Folia, Chiquinho revelou que a escola deve um montante que pode chegar a R$ 15 milhões.
“São pendências junto a fornecedores, ações trabalhistas, fundos de garantia atrasados e uma série de coisas. Estamos buscando um grupo de empresários para nos ajudar. Ainda estamos fazendo um levantamento, mas o valor da dívida deve ser em média de R$ 15 milhões. A coisa virou uma bola de neve. Se vencermos, a ideia é pactuar esse valor ao longo dos três próximos anos. Queremos a Mangueira com mais orgulho, alegria e credibilidade”, disse.
Já a quadra precisará passar por uma grande reforma. “Ela está abandonada. Teremos que mudar muita coisa. Certamente a quadra precisará de um novo alvará junto ao Corpo de Bombeiros para poder funcionar. Vamos ter que fazer as adaptações necessárias”, contou o deputado, que terá como vice Aramis dos Santos.
Mestre Ailton e Luizito garantidos
Pensando no desfile de 2014, o candidato evitou falar sobre enredo e confirmar nome de carnavalesco, mas revelou que quatro temas estão sendo cogitados. “Em caso de vitória, vamos anunciar logo o enredo”. Perguntado sobre quem continuaria da atual gestão, foi taxativo. “Se depender de mim, o Luizito segue como intérprete e na bateria nada muda”.
Quando o assunto é casal de mestre-sala e porta-bandeira, Chiquinho afirmou que os três candidatos deveriam fazer um pacto para garantir a contratação de Marquinhos e Giovanna, que estavam na Unidos da Tijuca.
“O lugar deles é na Mangueira. Sou a favor de todos se unirem para garantir a contratação do Marquinhos e da Giovanna. Acho que qualquer presidente gostaria de contar com eles na escola”, completou. O ex-presidente Percival Pires e o baluarte Raymundo de Castro são os outros dois nomes que vão disputar.
Após longa batalha judicial que durou um ano, a eleição vai escolher o novo presidente, vice e 40 membros do conselho deliberativo e fiscal para o triênio 2013-2016. A votação acontecerá entre 9h e 15h, no dia 28 de abril, data do aniversário de 85 anos da Estação Primeira.

VOLTAR

Nenhum comentário

Você pode ser o primeiro a comentar!


Faça um comentário

Campos com (*) são obrigatórios

Seus dados
Comentário

Copyright © 2010 - quintaldosamba.com - todos os direitos reservados