Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

Notícias

Marco Lira, ex-presidente da Viradouro, é preso na região oceânica de Niterói

Publicado em 22 de junho de 2010

O ex-presidente da escola de samba Viradouro, Marco Lira, foi preso nesta terça-feira, na região oceânica de Niterói. Policiais civis cumpriram um mandado de prisão expedido contra Lira, depois que ele não compareceu a oito audiências relativas a uma investigação ligada à máfia dos caça-níqueis.

De acordo com o delegado da 76ª DP (Centro), Luiz Antônio Businaro, o suspeito vinha sendo chamado para depor desde outubro de 2009. Em novembro do mesmo ano, 17 máquinas de videopoker foram apreendidas em um bar que seria de Marco Lira, no Centro de Niteroi.
Em seu depoimento, o ex-presidente da Viradouro informou que não esteve nas audiências por problemas de saúde e compromissos relativos ao carnaval. Ele foi encaminhado para Bangu 8, na Zona Oeste do Rio, onde ficará preso preventivamente até determinação da Justiça.
Em abril deste ano, outro presidente de escola de samba foi preso por envolvimento com a máfia dos caça níqueis. Wilson Vieira Alves, conhecido como Moisés, foi detido  com R$ 42 mil em dinheiro em sua casa durante a Operação Alvará, da Polícia Federal.

VOLTAR

Nenhum comentário

Você pode ser o primeiro a comentar!


Faça um comentário

Campos com (*) são obrigatórios

Seus dados
Comentário

Copyright © 2010 - quintaldosamba.com - todos os direitos reservados