Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

Notícias

Pagode do grupo Revelação é primeiro “hino” da seleção na África

Publicado em 29 de maio de 2010

Historicamente, a seleção brasileira sempre arruma uma música ou outra para servir de inspiração durante grandes torneios como o Copa do Mundo. E o grupo atual que está na África do Sul tem uma canção para começar os trabalhos.

Os pagodeiros que puxam a roda de samba (Robinho, Júlio Batista e Luisão) elegeram o pagode “Ta Escrito”, do Grupo Revelação, para abrir o almoço e o jantar dos atletas.
Em conversa com o Blog do Boleiro, o vocalista Xande de Pilares contou “Ta Escrito” foi escrita por ele para ser motivadora: “A música é pra cima, para guerreiros da vida”, disse o artista que incluiu a canção no último CD e DVD do Revelação (“Ao Vivo no Morro”, gravado no Rio de Janeiro).
A música tem um refrão sugestivo (“Erga essa cabeça, mete o pé, e vai na fé / Manda essa tristeza embora / Basta acreditar que o novo dia vai raiar/ Sua hora vai chegar”) e uma letra que lembra tudo o que o técnico Dunga anda pregando.
Há frases encorajadoras na canção como “guerreiro não foge da luta, não pode correr” . E ainda inclui verso para o jogador que achar que foi criticado e está em baixa com a imprensa, só esperando o momento de dar a volta por cima (“Se na vida encontrar dissabor, Vai saber esperar sua hora”).
Detalhe: o Grupo Revelação tem um mentor, quase empresário, que está fora da Copa. Trata-se de Ronaldinho Gaúcho, atacante do Milan e grande líder de pagodeiros no selecionado em épocas passadas. Recentemente, o Grupo Assis Moreira, pertencente à família do jogador, tentou fechar um contrato para administrar a carreira do grupo. A negociação não avançou.
“O Ronaldinho Gaúcho é quase irmão”, afirmou Xande que está em Recife para um show na noite desta sexta-feira. Ele conta que os integrantes do Revelação (Artur Luis, Rogerinho, Beto Lima, Sérgio Rufino e Mauro Jr.) adoram futebol e convivem com vários boleiros, entre eles Robinho (com quem estiveram em Santos há um mês) que puxa os pagodes na seleção.
Xande, autor da música lema do time de Dunga só gostaria de ver o “quase irmão” Ronaldinho disputando a Copa do Mundo. “Pensamento de treinador é um e do povo é outro. Eu queria ver o Ronaldinho Gaúcho nessa seleção porque ele traz um futebol alegre, leve. Assim como o Neymar e o Paulo Henrique. O jeito é torcer agora com o material humano que o Dunga tem na mão”, afirmou.
Clique no player e ouça a música da seleção

Get the Flash Player to see the wordTube Media Player.

VOLTAR

Nenhum comentário

Você pode ser o primeiro a comentar!


Faça um comentário

Campos com (*) são obrigatórios

Seus dados
Comentário

Copyright © 2010 - quintaldosamba.com - todos os direitos reservados