Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

Notícias

TAPETÃO – Anulado resultado do carnaval 2011 em Porto Velho

Publicado em 09 de agosto de 2011

Fonte: rondoniaovivo
RO – Os Diplomatas do Samba perdeu o título de campeã do carnaval de Porto Velho, referente ao desfile do ano de 2011, em tensa assembléia extraordinária realizada na sede da FESEC (Federação das Escolas de Samba e Entidades Carnavalescas) na tarde do último sábado (6/08).
A assembléia foi convocada a partir de recurso interposto pelo GRES Asfaltão, escola reconhecida no mundo do samba como sendo o espaço carnavalesco dos militantes do PT chegados a uma estúrdia momesca.

Segundo o documento protocolado junto a Federação, a Escola de Samba Asfaltão alega que houve, no mínimo, escandaloso julgamento parcial em favor da Escola Os Diplomatas do Samba, por parte da comissão julgadora, composta por jurados indicados também de forma tendenciosa e inoportuna pelo Presidente da FESEC Ariel Argobe.
A escola denunciante Asfaltão, defensora das cores amarela e preta, afirma claramente em documento que “as justificativas apresentadas pelos jurados durante a realização do julgamento dos quesitos impugnados demonstram cabalmente que sobrou parcialidade e faltou justiça no julgamento”.

GRES Diplomatas do Samba 2011

Os quesitos, notas e jurados protestados, que geraram a interdição temporária do título de campeã do carnaval de 2011, conferido ao GRES Os Diplomatas, foram em alegorias e adereços, julgador Edvaldo Araújo filho (nota atribuída: 9,9); quesito evolução, item que teve como jurados Jader Moreira Pinto, reconhecido folião e carnavalesco de áureos tempos momescos e o Professor universitário João José de Olivera, também notório carnavalesco que já assinou diversos desfiles de muitas escolas de samba de Porto Velho (ambos aplicaram a nota 9,9); quesito enredo, julgado por Joseilde de Carvalho (nota conferida: 10), e Maria da Glória (nota concedida: 9,8).
Após a apreciação e julgamento do recurso, pela assembléia, o Presidente da FESEC anunciou a cassação do título, que se deu em concorrida votação tumultuada, acalorada e recheada de manobras tipicamente de bastidores esquerdistas, com o resultado de 08 (oito) votos favoráveis para interdição do título, (Asfaltão, Armário Grande, Império do Samba e São João Batista), e 04 (quatro) votos contrários ao intento de impugnação do resultado (Os Diplomatas do Samba, Rádio Farol e Unidos do Guaporé).
A Diretoria da escola Os Diplomatas do Samba anunciou que irá recorrer ao arrogante e absurdo resultado manipulado pelos Dirigentes da Asfaltão, que teimam em ganhar no tapetão, manobrando ardilosamente nos bastidores do samba, a subtração do título da campeã.


VOLTAR

Nenhum comentário

Você pode ser o primeiro a comentar!


Faça um comentário

Campos com (*) são obrigatórios

Seus dados
Comentário

Copyright © 2010 - quintaldosamba.com - todos os direitos reservados